Folha do Comércio

Destaques:
Você está aqui: Vale do Aço Coronel Fabriciano Ipatinga anuncia mais 800 moradias e a regularização de 50 mil imóveis

Ipatinga anuncia mais 800 moradias e a regularização de 50 mil imóveis

Com apoio de deputado Federal, administração municipal viabiliza recursos de R$ 80 milhões para 14 novos prédios que beneficiarão famílias com renda de até R$ 1.800.

Termo de cooperação com o governo do Estado vai garantir também escrituras para mais de 50 mil imóveis.

Em coletiva na manhã desta sexta-feira (10), em seu gabinete, o prefeito Sebastião Quintão anunciou uma série de benefícios importantes para a população do município, graças ao apoio do gabinete do deputado Federal Leonardo Quintão. Estão sendo canalizados recursos de R$ 80 milhões para a construção de 800 novas moradias na cidade, por meio do programa Minha Casa, Minha Vida, o que ameniza já no primeiro ano de governo um déficit habitacional em torno de 4.600 unidades.

Na mesma solenidade, também foi assinado termo de cooperação técnica com a Agência da Região Metropolitana do Vale do Aço (ARMVA) para a regularização fundiária de mais de 50 mil imóveis sem escrituras, representando grande inclusão social.

MAIS SAÚDE

Ainda, graças à intervenção do parlamentar, o município está recuperando verbas no valor de R$ 8 milhões em favor do Hospital Municipal, que haviam sido perdidas por falta de prestação de contas do governo anterior. O benefício soma-se a outros R$ 6 milhões canalizados pelo gabinete para cirurgias, em favor de pacientes que aguardavam há anos em filas de espera.

NOVAS HABITAÇÕES

Serão 14 novos prédios de quatro pavimentos construídos para famílias com renda até R$ 1.800, que atendam a critérios estabelecidos e estejam cadastradas no CadÚnico. São apartamentos de 39 metros quadrados, com dois quartos, sala, cozinha e banheiro. As obras serão executadas conforme a seguinte programação: 144 unidades no condomínio Passatempo I e 256 unidades no condomínio Passatempo II, na região do bairro Veneza; mais 160 unidades para o residencial Teresina, Veneza; 240 unidades no bairro Nova Esperança.

As construções vão gerar cerca de 2 mil empregos diretos e indiretos. Toda a mão de obra será local, com utilização de trabalhadores cadastrados no Sine municipal.

A previsão é de que as obras se iniciem em seis meses, com conclusão no prazo de mais seis meses a um ano.

ESCRITURAS PARA IMÓVEIS

Outra notícia de grande impacto foi o termo de cooperação firmado com a Agência da Região Metropolitana do Vale do Aço para regularização de mais de 50 mil imóveis na cidade cujas famílias não detêm escrituras públicas. O benefício será inteiramente gratuito, com isenção de taxas de desmembramento, ITBI e cartório.

O prefeito Sebastião Quintão destacou que, além do decisivo apoio do deputado Leonardo Quintão, “um interlocutor eficiente e de confiabilidade junto aos órgãos federais”, os benefícios têm sido conquistados graças também à agilidade de suas assessorias e ao empenho dos vereadores da base na Câmara Municipal, além da parceria do governo estadual, por meio da Agência da Região Metropolitana.

Quintão observou que cerca de 70% dos imóveis estão na informalidade em Ipatinga, sem que os moradores possam ter acesso a financiamentos para reformas ou dar garantias aos herdeiros, além dos bens serem subvalorizados em função desta situação. “Há algum tempo, temos lutado em todas as esferas pela solução desse grave problema social, rompendo as barreiras das

cores partidárias, procurando quebrar essa cultura dos guetos políticos que só fazem penalizar a comunidade. Dentro da legalidade, serão milhares de famílias beneficiadas”, comemorou.

A cerimônia foi acompanhada pelo vice-prefeito Jésus Nascimento, praticamente todos os secretários municipais, o líder de governo na Câmara, Jadson Heleno, e ainda os vereadores José Geraldo Andrade, Gilmarzinho, Tonico, Paulo Reis, Toninho Felipe, Adiel Oliveira e Wanderson da Autotrans. Representando a Agência da Região Metropolitana do Vale do Aço, o diretor-geral interino, Luciano Machado, e o diretor de Regulação, Carlos Mafra.